CANTAREI LOUVORES AO MEU DEUS ENQUANTO EU EXISTIR.

CANTAREI LOUVORES AO MEU DEUS ENQUANTO EU EXISTIR.

 1 – O Senhor é a minha força e o meu escudo; nele confiou o meu coração, e fui socorrido; pelo que o meu coração salta de prazer, e com o meu cântico o louvarei.

 2 – Tens tornado o meu pranto em regozijo, tiraste o meu cilício, e me cingiste de alegria; para que a minha alma te cante louvores, e não se cale. Senhor, Deus meu, eu te louvarei para sempre.

 3 – Para sempre te louvarei, porque tu isso fizeste, e proclamarei o teu nome, porque é bom diante de teus santos.

 4 – Eu sou qual oliveira verde na casa de Deus; confio na bondade de Deus para sempre e eternamente.

 5 – Louvarei ao Senhor segundo a sua justiça, e cantarei louvores ao nome do Senhor, o Altíssimo.

 Todos: Cantarei louvores ao meu Deus enquanto eu existir.

 1 – Querida Igreja, a Bíblia nos diz que o homem, nascido da mulher, é de poucos dias e cheio de inquietação. Quão breve é a nossa vida… é como a erva do campo que nasce pela manhã e à tarde já está murcha. É apenas um sopro comparado à eternidade. Porém, cada dia de nossa vida é concedido por Deus. Foi Ele que nos criou e a cada dia nos dá fôlego, nos dá oportunidade de ver, ouvir e falar. E a Bíblia nos ensina:

 Todos: Tudo quanto tem fôlego, louve ao Senhor!

 2 – Sim! Cada dia de nossas vidas deve ser um dia de louvor ao Senhor. A Palavra de Deus nos ensina: todos os dias te louvarei e bendirei o teu nome; sete vezes no dia te louvo pelas tuas justas ordenanças. A criação não cessa de louvar a Deus: as aves, as feras, até mesmo as árvores, as montanhas e os astros no firmamento. E nós, seu povo, comprados pelo seu sangue não podemos deixar de cantar louvores ao nosso Deus!

 3 – Um coração salvo por Jesus não tem a sua vida ligada às coisas deste mundo. O seu tesouro está nos céus e sua satisfação é encontrada na pessoa de Cristo. Por isso, mesmo que a noite seja escura, ele pode cantar louvores a Deus, como Paulo e Silas cantavam na prisão. Mesmo que ele vá encarar a dor e o sofrimento, assim como Jesus, o crente canta e dá glória. Com a geladeira cheia ou vazia, com roupa nova ou com roupa velha, na benção ou na provação, o crente louva ao Senhor!

 4 – O coração do crente agradecido arde de vontade de cantar, cantar continuamente. Porque ele se lembra de que Jesus sofreu a morte de cruz para nos dar a salvação da condenação do pecado. Lembra que Jesus está com ele em todos os momentos e nada pode lhe separar do amor: nem a morte, nem o presente, nem o futuro, nem as alturas ou as profundidades podem lhe separar. E esse amor, preenchendo todo espaço do seu coração, lhe faz desejar cantar cada vez mais!

 Todos – Eu te louvarei, Senhor, de todo o meu coração!

 5 – E por esta razão de cada componente deste conjunto musical ergue sua voz em louvor e adoração ao Deus grande e poderoso que nossa tem dado vida e voz para louvar o seu nome! Como deixar de cantar, se somos eternamente devedores? Nosso canto só tem um único objetivo: exaltar o nome que é sobre todo nome! Nós te adoramos, Senhor, e te agradecemos por mais um ano desse conjunto e falamos com alegria:

 Todos: Cantarei louvores ao meu Deus enquanto eu existir.

 Ore, jejue, decore e compareça aos ensaios.
Sua dedicação – a garantia de sua participação; sua participação – a garantia de Deus operar em sua vida!

Comments are closed.