LOUVAI AO DEUS DOS DEUSES!

 

Todos: Louvai ao Deus dos deuses!

 

1 – Eu te louvarei, Senhor, de todo o meu coração; na presença dos deuses a ti cantarei louvores.

 

2 – Pois tu, Senhor, és o Altíssimo em toda a terra; muito mais elevado que todos os deuses.

 

3 – Porque eu conheço que o Senhor é grande e que o nosso Deus está acima de todos os deuses.

 

4 – Porque todos os deuses dos povos são coisas vãs; mas o Senhor fez os céus.

 

5 – Entre os deuses não há semelhante a ti, Senhor, nem há obras como as tuas.

 

6 – Porque o Senhor é Deus grande e Rei grande acima de todos os deuses.

 

Todos: Louvai ao Deus dos deuses!

 

1 – Querida Igreja, quem é semelhante ao nosso Deus? A quem poderíamos compará-lo? Com a sua palavra e seu poder, do nada criou os céus, a terra e tudo que neles há. Ele é onisciente, onipotente, onipresente e eterno. Nele não há mudança nem sombra de variação. De eternidade a eternidade ele sempre será o mesmo: reto, digno, justo e fiel para com o seu povo. Embora o homem tenha se rebelado contra o seu criador e buscado outros deuses, o Senhor permanece o mesmo e nos escolheu para louvarmos e bendizermos ao Senhor. Entre todos os povos, não existe Deus semelhante ao nosso que fala conosco e nos atende quando clamamos! Ele é único digno de toda honra, toda glória, todo louvor e toda adoração. Por isso, regozijados dizemos:

 

Todos: Louvai ao Deus dos deuses!

 

2 – No final do sacerdócio de Eli, os filisteus guerrearam contra Israel e levaram consigo a Arca do Concerto, que simbolizava a presença de Deus no meio do seu Povo. Tomaram pois os filisteus a arca de Deus e a colocaram na casa de Dagom, e a puseram junto a Dagom.  Levantando-se, porém, de madrugada no dia seguinte, eis que Dagom estava caído com o rosto em terra, diante da arca do Senhor e tomaram a Dagom, e tornaram a pô-lo no seu lugar.  Porém, levantando-se de madrugada, no dia seguinte, pela manhã, eis que Dagom jazia caído com o rosto em terra diante da arca do Senhor; e a cabeça de Dagom e ambas as palmas das suas mãos estavam cortadas sobre o limiar; somente o tronco ficou a Dagom.  Porque o Meu Deus e o teu Deus, Ele é maior do que todos os deuses e na sua mão há força e poder!

 

Todos: O inimigo tem te afrontado, dizendo que vai te derrotar?  Louva ao Senhor, pois o nosso Deus o derrubará por terra!

 

3 – Quando saiu a enfrentar Golias, Davi, um jovem pastor, saiu-lhe ao encontro com apenas um cajado, uma funda e cinco pequenas pedras. Porque Davi não confiava em si mesmo, mas confiava no Deus acima de todos os deuses. Quando Golias o viu, ficou enfurecido e gritou: Sou eu algum cão, para tu vires a mim com paus? E amaldiçoou a Davi, pelos seus deuses. Davi, porém, disse ao filisteu: Tu vens a mim com espada, e com lança, e com escudo; porém eu vou a ti em nome do SENHOR dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem tens afrontado. E quando Davi lançou a pedra, eis que ela cravou-se na testa do gigante e ele caiu por terra, pois não há quem possa com este Deus. O fim daquele que se levanta contra ele é a derrota!

 

4 – No Monte Carmelo, em frente aos profetas de Baal e de Asera e de todo o povo, Elias não temeu, mas mostrou-se corajoso porque sabia que a resposta de Deus seria evidente!  E quando Ele clamou ao Senhor, tendo o seu altar concertado, desceu fogo do céu e consumiu o holocausto e todo povo prostou-se perante o Senhor dizendo: "Só o Senhor é Deus! E diante dele não há outro!" Pois aquele que lança o seu cuidado sobre o Senhor nunca será abalado! Conjunto, porque temer as afrontas do adversário?  Louva ao Deus Jeová e tu verás que Ele tomará providência contra os teus inimigos!

 

5 – Nós louvamos ao nosso Deus porque ele está nos céus e faz tudo o que lhe apraz. Os outros deuses são prata e ouro, obra das mãos dos homens. Têm boca, mas não falam; têm olhos, mas não vêem; têm ouvidos, mas não ouvem; narizes têm, mas não cheiram. Têm mãos, mas não apalpam; têm pés, mas não andam; nem som algum sai da sua garganta. Mas o nosso Jesus se levanta para atender o gemido dos necessitados, ele anda no meio do seu povo, ele ouve as nossas orações, ele faz questão de falar ao povo seu, anda na terra de norte a sul e de leste a oeste e com ele não há quem possa!

 

Todos: Porque grande é o SENHOR e digno de louvor, mais tremendo do que todos os deuses.

 

6 – E hoje, o ___________________________ louva e engrandece a este Deus tão grande e poderoso, que está acima de todos os deuses! Quando estamos fracos, ele nos fortalece; quando estamos tristes, ele nos alegra; e nas lutas, ele é a nossa vitória! Ninguém no mundo pode garantir salvação e gozo eterno aos que lhe amam e guardam os seus mandamentos, só mesmo o nosso grande e eterno Deus!  Entre os deuses não há semelhante ao Senhor, nem há obras como as suas. Todas as nações virão e se prostrarão perante a sua face, e glorificarão o seu nome. Porque Ele é grande e opera maravilhas; só Ele é Deus! E nesta noite de vitória, nos regozijamos e alegramos e dizemos:

 

Todos: Louvai ao Deus dos deuses!

 

 

Ore, jejue, decore e compareça aos ensaios.

Sua dedicação – a garantia de sua participação. Sua participação – a garantia de Deus operar em sua vida!

www.jograis.oi.com.br