Neste ano de jubileu, tornareis cada um à sua possessão.

 

1 – Louvai a Deus com brados de júbilo, todas as terras.

 

2 – Vinde, cantemos ao SENHOR! Cantemos com júbilo à rocha da nossa salvação!

 

3 – Cantai-lhe um cântico novo; tocai bem e com júbilo.

 

4 – Pelo que oferecerei sacrifício de júbilo no seu tabernáculo; cantarei, sim, cantarei louvores ao SENHOR.

 

5 – Celebrai com júbilo ao SENHOR, todos os moradores da terra.

 

6 – Vós, montes, retumbai com júbilo; também vós, bosques e todas as árvores em vós; porque o SENHOR remiu a Jacó e glorificou-se em Israel.

 

Todos: Neste ano de jubileu, tornareis cada um à sua possessão.

 

1 – Querida Igreja, na história do povo de Israel vemos que eles tinham muitas festas importantes.

 

2 – Festas essas, que eram aguardadas com grande ansiedade:

 

3 – As Festas da Páscoa e das Primícias;

 

4 – A Festa dos Tabernáculos;

 

5 – O grande dia da Expiação.

 

6 – Mas havia um acontecimento que era bastante esperado por todo o povo:

 

Todos: O Ano do Jubileu.

 

1,2 – Aquele era um ano especial, o ano considerado como o Ano da Liberdade.

 

3,4 – Naquele ano, todos os escravos seriam libertos.

 

5,6 – Os que tinham perdido suas propriedades podiam reavê-las!

 

Todos: E assim, grande era o júbilo ao raiar daquele ano!

 

1 – E nesta noite, o nosso coral completa também o seu jubileu!

 

2 – São 20 anos de lutas, mas também de muitas vitórias!

 

3 – O Deus a quem servimos e louvamos tem estado conosco e recebido os nossos louvores!

 

4 – Por isso, a nossa alegria é constante e, mesmo nos momentos tristes, temos razão para louvar!

 

5 – E ainda que a figueira não floresça, não haja fruto na vide, o produto da Oliveira minta,

 

6 – Os campos não produzam mantimento, as ovelhas da malhada sejam arrebatadas e nos currais não haja vacas...

 

Todos – Nós nos alegramos no Senhor e exultamos no Deus da salvação!

 

1 – Querida igreja, paremos um pouco agora e pensemos em quem éramos nós?

2 – Antes, andávamos aprisionados, sem alegria, sem esperança e sem Deus no mundo!

 

3 – Mas Deus nos chamou, nos resgatou e trouxe-nos do mundo com sua poderosa mão!

 

4 – Hoje estamos livres: livres para louvar, para engrandecer, para exaltar o seu nome!

 

5 – Cada crente aqui presente nesta noite, tal como os componentes deste ___________, tem razões de sobra para louvá-lo.

 

6 – E neste ano de jubileu, Deus também nos concede liberdade e podemos dizer com alegria:

 

Todos: A ti, ó Deus, glorificamos, a ti damos louvor!

 

1 – O Ano do Jubileu é o ano de contar e cantar vitória!

 

2 – Quando os filhos de Israel vieram a desviar-se do Senhor, Ele os entregou nas mãos do rei de Canaã.

 

3 – Mas eles se converteram e clamaram ao Senhor e Deus os ouviu, levantando Débora, mulher profetisa e juíza em Israel naqueles dias!

 

4 – E quando ela e Baraque conclamaram o povo para a guerra, o Senhor derrotou a Sísera, a todos os seus carros e todo o exército diante dos filhos de Israel!

 

5 – E Débora entoou um cântico de louvor ao Senhor!

 

6 – O inimigo tem se levantado para impedir a tua vitória?

 

Todos: Louva ao Senhor, pois ele vai marchando adiante de ti e o ano de Jubileu é o ano da tua vitória!

 

1 – E assim como eram tocadas as trombetas de prata no despertar do Ano do Jubileu, este coral está também a tocar as suas trombetas em agradecimento ao Senhor!

 

2 – São 50 anos, mas a graça de Deus continua sendo derramada em nossos corações.

 

3 – As lutas se levantam, mas quando louvamos o seu nome, ele se levanta do trono e nos concede vitória!

 

4 – E assim como ouviu o louvor de Israel e desbaratou os seus inimigos, quer te dar vitória também!

 

5 – Assim como abalou o cárcere de Filipos, quer abalar também as cadeias que te prendem e te romper em cânticos de alegria!

 

6 – E nesta noite alegra-te junto conosco e louva ao Senhor, porque é ano de Jubileu, é ano de liberdade, é ano de restituição, é ano de vitória!

 

Todos: Neste ano de jubileu, tornareis cada um à sua possessão.

 

Ore, jejue, decore e compareça aos ensaios.

Sua dedicação – a garantia de sua participação. Sua participação – a garantia de Deus operar em sua vida!

www.jograis.oi.com.br